domingo, 20 de Junho de 2010

AUTO DIAGNÒSTICO.




O Diagnóstico informativo e pessoal ou Auto-Diagnóstico considera os sintomas subtis (sussurros do corpo) e é feito para descobrir:

1. No estado de pré-doença: em que órgão ou sistema de órgãos estão presentes as modificações ou alterações primarias, que surgem no estado de pré-doença (de 3 à 5 anos, antes de manifestação dos primeiros sintomas clínicos).


2.
No estado de doença:
a) Qual é o significado dos sintomas
b) Quais são os sintomas principias e os secundários
Para poder actuar sobre os principais e, através disso, actuar sobre o desenvolvimento da doença e sobre os sintomas secundários.

Quanto mais cedo são detectadas (segundo percepção sensorial) as alterações, tanto mais cedo e mais eficazmente o estado de padecimento pode ser anulado e a saúde plena recuperada.

Meridiano do Pulmão (3-5h):
1. Da saúde dos P. depende a saúde de todo o corpo. Além de fornecer o oxigénio, indispensável ao organismo, os P. permitem a eliminação do gás carbónico.
2. A má saúde dos P. manifesta-se em subidas de temperatura do corpo, fluidos nasais, tosse rouca, soluços/bocejos/sonolência frequente, dor nas omoplatas, etc.
3. No plano psicológico os P. saudáveis favorecem a boa compreensão, ao passo que P. fracos tornam a pessoa melancólica e depressiva.

Sintomas de mal-estar:
§Cabelo fraco.
§Soluçar frequentemente.
§Bocejar frequentemente.
§Sonolência frequentemente.
§Tosse frequentemente.
§Subida de temperatura.

Excesso de “Chi”:
§Subida de temperatura.
§Tosse forte e dolorosa.
§Expectoração.
§Dores nas omoplatas e nos ombros.
§Palmas das mãos quentes.
§Transpiração excessiva.
§Afluxo de sangue а cabeça.
§Diminuição do espaço vital dos pulmões.
§Broncopneumonia.
§Asma.

Falta de “Chi”:
§Arrepios de frio.
§Fluidos nasais.
§Insónia.
§Bocejar frequentemente.
§Tosse rouca.
§Braços frios ou dormentes.
§Sensação de formigueiro na pele.
§Vertigens.
§Garganta seca.
§Alteração da cor da pele do rosto.
§Dor nas clavículas (pontual).

2. Meridiano do Intestino Grosso (5-7h):
1. I.G. tem por função eliminar os resíduos produzidos pela digestão. Quando ele cumpre mal a sua tarefa, fica obstruído e, através do sangue, uma grande quantidade de toxinas espalha-se pelo organismo.
2. I.G. que funcione mal engendra problemas relacionados com a pele, com os dentes e com a boca em geral.
3. Dá, também, o lugar aos sentimentos de insatisfação.


Sintomas de mal-estar.
§Meteorismo.
§Fezes irregulares.
§Barriga dorida ao toque.
§Mau hálito.
§Hemorróidas.
§Enfraquecimento da memoria.
§Defeitos na mucosa do recto (fissuras).

Excesso de “Chi”:
§Barulhos no tracto digestivo.
§Boca seca.
§Prisão de ventre.
§Barriga dorida e inchada.
§Dor de cabeça e dos dedos das mãos.
§Pele quente ao toque.
§Todos os sintomas pioram no ambiente quente.


Falta de “Chi”:
§Braços e ombros doridos e presos.
§Vertigens.
§Diarreia; pontualmente prisão de ventre.
§Irritação e bolhas na parede da garganta.
§Pele do corpo fria ao toque.
§Fraqueza dos braços.
§Barulhos dentro de barriga.
§Tosse fraca.
§Quase todos os sintomas desaparecem no ambiente quente.

3. Meridiano do Estômago (7-9h):
1. O papel do estômago consiste em transformar os alimentos de modo que eles possam ser assimilados.
2. O mau funcionamento do E. dá origem a obstipação, soluços, inchaço do ventre, língua grossa e/ou seca, hemorragias das gengivas, ombros tensos, tendência para a anemia, etc.
3. No plano psicológico: hiperactividade mental, frustração afectiva, tendência a preocupar-se demasiado com os pormenores, etc.


Sintomas de mal-estar:
§Apetite irregular.
§Dor de estômago.
§Dores de cabeça.
§Oscilações de temperatura.
§Dor de estômago (nervosa). Arrotos.
§Barriga inchada.
§Dores e espasmos de estômago.
§Lábios gretados.
§Sensação de formigueiro.

Excesso de “Chi”:
§Apetite exagerado.
§Febre; tremores finos.
§Dores e caimbras nas partes laterais-externas das pernas.
§Acidez alta.
§Excitabilidade alta.
§Prisão de ventre.
§Arrotos.
§Barriga inchada.
§Dores e espasmos de estômago.
§Lábios gretados.
§Sensação de formigueiro.

Falta de “Chi”:
§Falta de apetite.
§Pernas fracas, cansaço repentino.
§Acidez baixa.
§Meteorismo.
§Diarreia.
§Fraqueza, depressão.
§Pálpebras de luto (caídas).
§Inchaço da mucosa da garganta.
§Digestão lenta.
§Barulhos no estômago e no intestino.


4. Meridiano do Baço e do Pâncreas (9-11h):
1. O baço e o pâncreas promovem a irrigação sanguínea e a nutrição de todos os órgãos do corpo. A equipa B.-P. tem um papel importante no estado dos gânglios linfáticos.
2. Lábios demasiado pálidos, falta de apetite, sensação de “ter um nó barriga”, e etc. são alguns dos sinais de mau funcionamento destes órgãos.
3. No plano psicológico – uma disfunção do B. e do P. incita ao orgulho, a vaidade, ao egocentrismo e а obstinação.


Sintomas de mal-estar:
§Sonolência de dia.
§Memória fraca.
§Perda do auto controle; perda de vigilância.
§Pernas fracas: dificuldade em caminhar muito tempo.
§Esgotamento cerebral (estar parado e fixar um ponto com o olhar).
§Apetite instável.
§Apetência de doces.
§Defeitos do tecido conjuntivo: prolapso dos órgãos, fraqueza dos músculos.

Excesso de “Chi”:
§Apetite instável.
§Sensação do corpo pesado (dormente).
§Vontade de deitar, de descansar.
§Mucosa dos lábios gretada.
§Bolhas sem comichão.
§Náuseas. Prisão de ventre.
§Arrotar com saída de ar.
§Intoxicações alimentares (frequente).
§Peso na parte inferior – interior das costelas.
§Sensação de não ter dormido o suficiente.
§Dores nas articulações e nos pés.
§Dor no dedo grande do pé.

Falta de “Chi”:
§Apetência de doces.
§Má memória.
§Sonolência diurna.
§Meteorismo.
§Pernas dormentes.
§Fezes frequentes e abundantes.
§Diarreia.
§Vómitos.
§Dores fortes na parte adjacente ao estômago e а volta de cintura.
§ Pernas fracas.
§Varizes.

5. Meridiano do Coração (11-13h):
1.O coração é o órgão responsável pela circulação sanguínea. A sua paragem é fatal.
2. Sinais de desequilíbrio: hesitação na fala, inchaço no nariz e nas mãos, baforadas de calor, vertigens, tensão no peito e no plexo solar, fadiga, etc.
3. No plano psicológico: estados de afasia, de aflição, de tensão nervosa, de stress, de neurose, de fadiga intelectual, ausência de entusiasmo; pessoa tímida e angustiada.


Sintomas de mal-estar:

§Olhos raiados de sangue.
§Olheiras (inchaço; negrume).
§Defeitos da pele do nariz e testa.
§Vermelhidão nas axilas.
§Fala apressada.
§Medo de auditório (actuar em frente do publico).
§Medo de alturas.
§Trabalhar de forma ansiosa/tensa.
§Preocupação ou medos infundamentados.
§Timidez, sensação subjectiva de esgotamento mental.

Excesso de “Chi”:
§Ansiedade sem razão.
§Sensação de peso no peito.
§Febre alta com boca seca.
§Dor de coração.
§Dor de antebraço.
§Língua vermelha (escarlate).
§Rosto vermelho.
§Excitação exagerada.
§Sensação de peso nas extremidades.

Falta de “Chi”:

§Incapacidade de tomar decisões.
§Sensação de estar soterrado/bloqueado.
§Sensação de estar subjugado/dominado.
§Palidez do rosto.
§Taquicardia (bater do coração acelerado).
§Falta de ar mesmo nos pequenos esforços físicos.
§Superfície do ombro e braço esquerdo (até ao cotovelo) fria e dormente.
§Palidez da língua.
§Vertigens.

6.Meridiano do Intestino Delgado (13-15h):
1. O I.D. й a secção do tubo digestivo compreendida entre estômago e o intestino grosso. Ele prossegue o trabalho de transformação dos alimentos começado no estômago.
2. Um I.D. em mau estado traz perturbações da saúde análogas ao um desequilíbrio de coração. A dificuldade de voltar cabeça a 180 graus para a direita ou para a esquerda – sinal revelador de má saúde do I.D.
3. Uma tendência para o ciúme permite muitas vezes pressagiar uma disfunção do I.D.


Sintomas de mal-estar:
§Incapacidade de mover a cabeça de um ombro ao outro (180є).
§Queixo duplo.
§Dor desgastante no braço.
§Tensão no pescoço.
§Bolhas na boca ou nos lábios.
§Sensação ocasional de peso ou de dor aguda no peito.
§Sensação de calor (fogo).
§Transpiração excessiva.

Excesso de “Chi”:
§Dor а volta do pescoço.
§Enxaqueca.
§Barulho e zumbido nos ouvidos.
§Dor do pescoço, de nuca.
§Dor а volta do umbigo.
§Dor na parte inferior do abdómen.
§Dor nas omoplatas.
§Prisão de ventre.


Falta de “Chi”:
§Dor nas têmporas.
§Dor nas partes laterais do pescoço.
§Dor no antebraço (do cotovelo até а mão).
§Pele seca e irritada.
§Inchaço do maxilar inferior; por vezes do pescoço.
§Diminuição da audição.
§Emagrecimento.
§Náuseas; as vezes vómitos; diarreia.
§Fraqueza, frio nas extremidades.

7. Meridiano de Bexiga (15-17h):
1. A B. recolhe a urina proveniente dos rins e permite a sua eliminação. Com os rins esta ligada estreitamente ao sistema dos órgãos sexuais.
2. Dores ao nível do pescoço, dos rins, e dos tornozelos, insónia e perturbações da visão, assim, como dores de cabeça e do intestino grosso estão muitas vezes associados a problemas de B.
3. No plano psicológico, uma B. disfuncional é acompanhada de uma tendência para a ansiedade, medo, hipersensibilidade.


Sintomas de mal-estar:
§Dor na coluna vertebral.
§Dor na área do pescoço.
§Dor nos tornozelos.
§Dor no topo do crânio.
§Dor no maxilar superior.
§Perturbação de vista, miopia.
§Lacrimejar dos olhos, irritados.
§Sensibilidade para com frio e vento.
§Insónias. Choro fácil.
§Hemorróidas.
§Fluxo abundante do nariz e dos olhos.

Excesso de “Chi”:
§Urinar frequente e doloroso com pequenas quantidades de urina.
§Dor nas pernas, pés, tornozelos e parte posterior da perna.
§Dor а volta de cintura.
§Lacrimejar excessivo.
§Dor nos olhos.
§Sangrar do nariz.

Falta de “Chi”:
§Urinar abundantemente e raramente.
§Dor ao longo de coluna vertebral.
§Inchaço nos órgãos sexuais.
§Piorar da visão.
§Fraqueza dos músculos da nuca e da coluna vertebral.
§Sensação de peso nas pernas e nas costas.
§Vertigens.
§Mobilidade limitada nos dedos mindinhos dos pés.
§Hemorróidas.

8.Meridiano do Rim (17-19h).
1. As perturbações da sexualidade, seja elas de origem física ou psíquica, encontram muitas vezes a sua origem numa disfunção dos R. O mesmo acontece com afecções dos ouvidos.
2. O mau funcionamento dos rins dá uma coloração escura à tez e provoca o aparecimento de olheiras.
3. O medo, a timidez, uma prudência excessiva, a dificuldade em parar de trabalhar, a insónia são outras tantas manifestações de um problema renal.


Sintomas de mal-estar:
§Suores logo após a refeição.
§Insónias.
§Bocejos.
§Inchaços.
§Barriga inchada.
§Diminuição de potência sexual.
§Pés frios e dormentes.
§Barulho nos ouvidos.
§Aumento de potência sexual.

Excesso de “Chi”:
§Urina de cor escura (cor de café).
Urinar mais vezes de noite que de dia.
§Falta de vontade de falar.
§Necessidade repentina de fazer algo e gastar a energia.
§Incapacidade de parar de trabalhar.
§Sonolência logo após a refeição.
§Sensação de peso no corpo todo, de peso e de calor nas pernas.
§Dor no cóccix, zona lombar, parte interna de coxa.
§Náuseas. Inchaços.
§Aumento de potência sexual.

Falta de “Chi”:
§Receio, desconfiança, falta de força de vontade.
§Gemidos fracos e involuntários.
§Sonolência antes do pôr-do-sol.
§Bocejos frequentes.
§Ressonar de noite.
§Insónias matinais (despertar precoce).
§Sudação em excesso.
§Perturbação do funcionamento do intestino.
§Diminuição de potência sexual.
§Pés frios e dormentes.
§Barulho nos ouvidos.

9. Meridiano de Pericárdio (19-21h):
1. O P. é responsável pela unificação da energia vital dos diferentes órgãos de corpo. Ele gere as emoções e a circulação.
2. O desequilíbrio de P. é acompanhado de dores na região do coração, palpitações, hipertensão, colites, e etc.
3. No plano psicológico o desequilíbrio do P. manifesta-se por histeria, nervosismo nas relações, um sono leve e muitas vezes entrecortado de sonhos, emoções descontroladas, e etc.

Sintomas de mal-estar:
§Sensação de insuficiência (falta).
§Rir muito e sem uma causa aparente.
§Vermelhidão da pele do rosto.
§Palmas das mãos quentes.
§Inchaço das glândulas nas axilas.
§Mau hálito.
§Sensação de peso no coração.
§Cansaço repentino.
§Acessos de raiva e de fúria por pequenas coisas.

Excesso de “Chi”:

§Sensação de peso, dor ou calor na cabeça.
§Dor de barriga.
§Sono superficial com sonhos.
§Vermelhidão de vista.
§Prisão de ventre.
§Dor de braços e de mãos.
§Dor da caixa torácica.
§Timidez.
§Irritabilidade.

Falta de “Chi”:
§Sono pesado.
§Falta de ar.
§Doença das alturas (mau estado dos vasos do coração).
§Vertigens.
§Prisão de ventre ou diarreia.
§Falta de vontade de andar.
§Depressão, cansaço.
§Taquicardia (bater acelerado do coração).
§Fraqueza dos braços.
§Vista amarelada.

10. Meridiano de Triplo Aquecedor (21-23h):

1. O T. A. gera a temperatura do corpo, recolhe e regulariza a energia vital proveniente da respiração, digestão e actividade sexual.
2. Os sintomas de um desequilíbrio de T.A. são uma diferença marcada de temperatura das diferentes partes do corpo, baforadas de calor ou arrepios de frio, perturbações da memória, dores no meio das costas, etc.
3. No plano psicológico, um desequilíbrio do meridiano dá lugar à uma tendência para o isolamento.

Sintomas de mal-estar:
§Ser friorento.
§Impossibilidade de dobrar e esticar totalmente os braços nos cotovelos.
§Dores agudas no coração.
§Pensamentos desorganizados.
§Sonhos espantosos (esquisitos).
§Dor de dentes e de gengivas.
§Serrar os dentes involuntariamente.
§Garganta inchada.
§Boca seca.
§Ausência de apetite.

Excesso de “Chi”:
§Dor nas extremidades superiores.
§Dor no cotovelo direito.
§Dor e zumbido nos ouvidos.
§Má tolerância do calor.
§Vermelhidão da pelo do rosto.
§Ausência de apetite.
§Irritabilidade.
§Pele morna ou quente ao toque.
§Enfraquecimento da audição.

Falta de “Chi”:
§Dor а volta das têmporas.
§Tremores no corpo.
§Fraqueza.
§Braços fracos e dormentes.
§Palidez do rosto.
§Intolerância ao frio.
§Cansaço repentino.
§Tristeza, moleza.
§Pele fria ao toque.

11. Meridiano de Vesícula Biliar (23-01h):
1. A V.B. armazena a bílis. Ela intervém no processo da digestão e na eliminação dos dejectos.
2. Podemos reconhecer o mau funcionamento deste órgão por uma cor lívida da pele, um gosto amargo na boca, dores por baixo do fígado e nas articulações, e etc.
3. No plano psicológico, a vesícula biliar em mau estado, leva a impaciência, а cólera, concentração exagerada, e etc.


Sintomas de mal-estar:
§Palidez (cor de terra) do rosto.
§Gosto amargo na boca.
§Dor sob o fígado.
§Dor nas partes laterais do tronco.
§Dores na zona de coração.
§Dor e sensação de aperto na cabeça e no queixo.
§Pés quentes.
§Tremores frios.
§Sudação em excesso.
§Aumento das glândulas nas axilas.
§Dor nas ancas, joelhos, articulações.

Excesso de “Chi”:
§Sensação de estômago cheio.
§Sensação de cabeça pesada.
§Dores e caimbras nas pernas.
§Pele quente.
§Medo nocturno.
§Gosto amargo na boca.
§Náuseas.
§Inchaço de pescoço, das bochechas.
§Dores de garganta.
§Insónias.
§Pés quentes.
§As vezes vomito com bílis.

Falta de “Chi”:
§Falta de força, fraqueza.
§Vertigens.
§Respirar pesado e fundo.
§Caminhar incerto.
§Pele pálida e fria.
§Falta de ar.
§O inchar dos pés e por baixo do joelho.
§Olhos inflamados.
§Sonolência, frequente, mesmo de dia.

12. Meridiano do Fígado (01-03h):
1. Fígado intervêm no processo da digestão, filtra o sangue, vela pelo desenvolvimento e saúde dos músculos, das unhas e dos olhos.
2. Fígado doente traz: alergias diversas, obstipação, flatulência, azia, fadiga ocular, dores de cabeça, tensões ao nível dos ombros, etc. Ele é responsável pelo aparecimento de rugas entre as sobrancelhas.
3. No plano psicológico, o desequilíbrio do fígado incita à cólera, agressividade, impulsividade, e etc.


Sintomas de mal-estar:
§Garganta seca.
§Dor na zona de fígado.
§Dificuldade em inclinar o tronco para frente ou para trás (pela cintura).
§Pele cinzenta.
§Dor na parte superior direita de omoplata (ombro direito).

Excesso de “Chi”:
§Estar com vontade de (e/ou) choramingar.
§Sentir irritabilidade.
§Sentir ímpeto de trabalhar sem intervalo, até o trabalho estar concluído.
§Sentir impulsividade (vinda do nada).
§Vermelhidão da vista.
§Dores de cabeça.
§Pele amarelada.
§Perturbação do ciclo menstrual.
§Dores lombares.
§Excitabilidade fácil.

Falta de “Chi”:
§Caminhar incerto.
§Falta de graciosidade dos movimentos no geral.
§Cansaço rápido dos olhos.
§Piorar da visão.
§Prisão de ventre.
§Meteorismo (gases).
§Vertigens.
§Palidez da pele.
§Perturbação do trabalho dos intestinos.
§Depressão, medo.
§Explosividade, fraqueza irritadiça.

AVALIAÇÃO DAS RESPOSTAS é feita após questionário concluído.
Se e quando quiser responder ao questionário e fazer esta avaliação:
1. Entre em contacto comigo
elgoldc@gmail.com
2. Embora, existe neste blog um artigo com a chave deste diagn
ostico, prefiro dar acompanhamento, para que nenhum dos leitores se sinta
mal esclarecido ou desamparado.
.
Gostava de poder acompanha-lo:
a) Para assegurar a certeza dos cálculos,
b) Para assegurar a atitude correcta para com os resultados.

Tradução (russo) foi feita em 2008 a partír de
"Enciclopedia da Medicina Tradicional Chinesa"

Sem comentários:

Enviar um comentário